Nûby Dreambaby Adoleta Bebê

Digite abaixo e pressione Enter:

O que as crianças aprendem com os adultos?

Sabemos muito bem que os pequenos são como esponjas que absorvem as informações ao seu redor com uma rapidez surpreendente. E exatamente por isso é que os adultos que convivem com crianças precisam prestar mais atenção, pois eles serão o principal espelho dos pequenos nos hábitos e comportamentos. :)

Para ajudar a ser o melhor exemplo que puder ser, separamos algumas dicas bem legais:

- Educação: Observe como você trata as pessoas ao seu redor, seja na ida ao mercado, no trânsito.... Seu pequeno irá observar essas formas de agir e começará a replicar, pois vai entender que aquilo deve ser o certo, já que você está fazendo isso.

- Linguagem: O mesmo vale para a linguagem. Atenção para os palavrões, hein! E também à forma como você fala, se é de forma grosseira ou respeitosa.

- Afeto: Ninguém é obrigado a sair por aí abraçando a todos... Rsrsrs. E o mesmo vale para as crianças: nem todas serão grandes adeptas de demonstrações excessivas de carinho. Mas seja o exemplo! Faça demonstrações de carinho com as pessoas da família, um cafuné, um abraço, um “eu te amo”. Assim, a criança passará a entender que aquilo é uma coisa boa a ser feita com quem se importa. :)

- Ética: Evite mentir, ensine a importância e o poder da sinceridade. Não esconda as coisas da criança, mas claro, sempre que precisar conversar sobre algo mais complexo, avalie o que e de que forma é melhor falar para ela. É preciso lembrar que, apesar da importância de manter a sinceridade, a mente infantil ainda não está preparada pra processar certas conversas.

- Financeiro: Quer ensinar responsabilidade? Desde cedo ensine questões financeiras práticas. Por exemplo: fazer um cofrinho para guardar moedas e explicar que é assim que você consegue fazer coisas legais.

- Expressões faciais e emocionais: Adultos têm o costume de esconder o que sentem. E as crianças acabam imitando esse comportamento. Se para adultos isso já não faz bem emocionalmente, imagine para uma criança! Então procure ser aberto para ela. Se está com medo, seja sincero ao dizer que tem medo. O mesmo se estiver triste, alegre... Assim a criança também sentirá em você um porto-seguro para conversar quando houver algo que a incomoda.

Fonte:   Blog Sou Mamãe

Voltar
Conheça nossas marcas:
Nûby
dreambaby
Adoleta
QUER SABER DAS NOVIDADES ANTES DE TODO MUNDO?
INFORME SEU E-MAIL AQUI ;)